Breve recado ao moço (e a quem mais interessar).

Me convida para um café. Sim, pode ser café. Embora eu sempre vá preferir um bar. Mas pode ser almoço também. Eu fico um pouco intimidada com a ideia de jantar. Me sinto em um filme norte-americano barato. Metaforicamente barato, claro. Então se for jantar, diga “Vamos comer alguma coisa”. Assim é um pouco melhor. eu me acostumo mais.
Mas por favor querido, seja claro. Seja breve no seu dizer. Me faça entender rápido o que tu queres de mim. Pois não sei o que você ficou sabendo, o que andaram te contando, mas não sou mais Cupido não moço. Aposentei. Larguei. Não to mais nessa. Então se sua intensão é derramar suas lágrimas, falar dos seus percalços, peço desculpa de coração, não é mais por aqui. Mas sempre tem com quem falar. Sempre tem. Ou você pode, sei lá, escrever um blog.

Nenhum comentário: